hackers cyberataquesRelatório do Institute for Crisis Management (ICM) dos Estados Unidos, sobre as crises corporativas ocorridas em 2014 no mundo, divulgado neste mês, mostra que o vazamento de dados foi a categoria de crises que mais cresceu durante o ano.

Dados de marcas famosas da área de varejo dos Estados Unidos, como Target, Home Depot, Lowe’s, Michaels e Wallgreen impactaram milhões de clientes e forçaram bancos a converter cartões de débito e de crédito em cartões com a tecnologia mais segura do microchip. Nos EUA, os bancos resistiram muito a adotá-la.

Somente naquele país, vazamento de dados cresceram 30% sobre 2013, admitindo-se que nenhuma organização está imune a um ataque desse tipo. No levantamento anual de todas as crises divulgadas pela mídia internacional, feito pelo ICM, durante 2014, o cibercrime que não aparecia com destaque nos anos anteriores, já representou 4% das crises mundiais. Leia artigo com mais informações neste site.

Redes Sociais

 redetwiter redeface redeflick  redelinkedin

bannerbotton livro